03/11/09 15:18

Cheiro de Eucalipto na caminhada da Floresta em Rio Claro (SP)

Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade (Feena), em Rio Claro (SP)

A Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade (Feena) é uma boa alternativa de passeio para o final de semana em Rio Claro (SP). Distante apenas 900 metros do centro da cidade, representa uma das maiores reservas mundiais de plantação de eucalipto com 2.230 hectares, tamanho equivalente a cerca de 2.060 campos de futebol.  

A estrada para acesso está totalmente pavimentada partindo da entrada próxima ao Shopping Center Rio Claro. Aos adeptos das caminhadas ao ar livre, a Feena oferece três trilhas: 
 
Trilha da Coleção
Durante o trajeto dessa trilha os visitantes terão a oportunidade de conhecer as diferentes espécies de eucaliptos trazidas da Austrália. “Das 144 espécies trazidas por Navarro, ainda há 62 espécies disponíveis nesta coleção”, afirma Sergio Ricardo Christofoletti, pesquisador do Instituto Florestal da Secretaria do Meio Ambiente. O percurso é de 1,5 km e o nível de dificuldade é baixo
 
Trilha da Saúde
Localizada no Arboreto próximo ao lago, pode ser utilizada para a prática de exercícios físicos, atividades didáticas e pesquisas científicas. Tem placas sinalizadoras dos caminhos e de sequência de exercícios adequados. Tem extensão de apenas 1,5 km e o nível de dificuldade baixo. Para os observadores e amantes da natureza, há espécies nativas e exóticas da Mata Atlântica ao longo do percurso.  

Trilha dos Nove
Com extensão de nove km, tem um nível de dificuldade médio. Durante o seu trajeto, o visitante poderá observar vários talhões de pinus e eucaliptos de diferentes idades. “Há vezes que o visitante encontra veados e capivaras ao longo do percurso. Eles geralmente fogem quando avistam uma pessoa”, declara Christofoletti.

Recomendações para preservar o meio ambiente
• Não jogar lixo fora das lixeiras
• Não leve animais domésticos sem coleira ou guia
• Não cause danos ao patrimônio
• Não danifique a vegetação
• Não ande fora das trilhas ou abra caminhos alternativos
• Não utilize fogo

Fonte: Guiarioclaro.com.br